André Rizek diz que o Flamengo está próximo de contratar lateral

Rafinha não tem um substituto confiável e Jorge Jesus segue batendo na tecla que precisa de um jogador para ser o reserva imediato do craque

Após título carioca, os jogadores do Flamengo tiveram alguns dias de folga e voltam ao Ninho do Urubu na próxima terça-feira (21). Até lá, o futuro de Jorge Jesus deve ser decidido. Jornais de Portugal passaram a semana toda noticiando que já existia um acerto entre Benfica e o treinador, mas agora já mudam a versão e colocam que faltam pequenos detalhes para o acordo acontecer. 

Aqui no Brasil, a diretoria rubro-negra trata o tema com muita tranquilidade e confiança na palavra do treinador. Contrato com o Mister foi prorrogado no começo deste mês e novo vínculo será até junho de 2021. Houve uma grande operação por parte do Mengão para conseguir atender as exigências do técnico e seu salário foi reajustado, apesar da pandemia. 

Mesmo os dirigentes do Fla alertando que contratações só seriam feitas em caso emergenciais, o mercado começa a se agitar e o nome do Mais Querido continua sendo colocado em diversas situações. O jornalista André Rizek informou nesta quinta-feira (17), durante o programa “Seleção Sportv”, que informações vindas da Argentina praticamente cravam a chegada do lateral-direito Fabrício Bustos, do Independiente

O clube carioca já manifestou interesse no atleta anteriormente, mas a pedida pela transação foi considerada muito acima e as conversas foram paralisadas naquele momento. O problema é que Rafinha ainda não tem um substituto confiável. Matheuzinho seria um reserva imediato, mas o jovem não conseguiu ganhar a confiança até este momento de Jesus. João Lucas também perdeu prestígio. 

Logo quando o Fla procurou os representantes do lateral argentino, o jogador se mostrou empolgado com a possibilidade de defender o atual campeão da América. Um acordo salarial não seria o problema, já que o atleta recebe vencimentos mensais que estão dentro do orçamento Rubro-Negro. Em crise financeira, o Independiente acena com a possibilidade de abaixar a pedida. 

Nas primeiras conversas, o Mais Querido ouviu que precisaria desembolsar mais de R$ 30 milhões para contratar a joia. Agora, a situação mudou e o negócio pode sair por até R$ 15 milhões. Como bom negociador que é, o vice-presidente de futebol, Marcos Braz pode lutar para conseguir um desconto ainda mais. 

Fonte: bolavip.com