‘Flamengo corre o risco de se transformar no Vasco do Eurico’, diz comentarista

Jornalista detonou a postura da diretoria rubro-negra

A polêmica decisão do Flamengo de buscar junto ao TJD-RJ o direito de transmitir a final da Taça, contra o Fluminense, pela Fla TV, vem dando o que falar. Durante o “Fox Sports Rádio” desta quarta-feira, o comentarista Fábio Sormani detonou a postura da diretoria rubro-negra e a comparou com o Vasco dos tempos de Eurico Miranda.

“O Flamengo está correndo o risco muito grande de se transformar no Vasco da Gama do Eurico, por conta dessa postura reprovável, soberba e arrogante de sua diretoria. O Flamengo, hoje, é um time, com exceção da sua torcida, está sendo rejeitado pela maioria dos brasileiros. É natural que o melhor time seja rejeitado, porque todo mundo quer ganhar dele. Essa é uma rejeição saudável. Agora, transformar essa disputa no campo de jogo para fora para tribunais, pode tornar o Flamengo um time rejeitado. E o clube tem que pensar nisso porque a antipatia que ele está angariando pode ser muito prejudicial ´para sua imagem. É uma pena que o presidente do Flamengo esteja caminhando por um caminho sem volta. E vai demorar muito para recuperar a imagem”, afirmou o jornalista.

De acordo com a MP 984, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, os direitos de transmissão das partidas são do clube mandante. Por sorteio, como previa o regulamento do campeonato, ficou definido que o mando de campo seria do Fluminense, que decidiu exibir a partida na Flu TV. No entanto, o Flamengo diz ter o desejo passar a partida também na Fla TV, alegando que o regulamento do Carioca foi elaborado antes da MP ser assinada.