Mauro Cezar é favorável à volta dos treinos, caso clubes se protejam: “Flamengo parece ter acertado a mão nisso”

Artilheiro do Flamengo, Gabigol ousou no novo penteado - Alexandre Vidal/Flamengo

O Flamengo retomou as atividades ainda em maio e recebeu muitas críticas por isso. Dias depois, o governo do Rio de Janeiro liberou que os demais clubes do estado também voltassem aos treinamentos, desde que seguindo o mesmo protocolo rígido de segurança do Rubro-Negro. Passado um mês, aos poucos, as equipes da Série A do Campeonato Brasileiro também retornam os treinos, e Mauro Cezar Pereira comentou sobre o assunto.

No podcast Posse de Bola #38, do Uol Esporte, o jornalista se demonstrou favorável à volta das atividades, mas desde que os clubes tenham como seguir os protocolos seguros contra o novo coronavírus. Além disso, Mauro Cezar ponderou que, aparentemente, o Flamengo acertou quanto às atitudes contra a doença, tendo em vista que nenhum jogador foi contaminado após a retomada dos treinos.

— Acho importante pontuar o seguinte, no começo, que nem aqui em São Paulo, ‘não vamos jogar porque é a saúde em primeiro lugar’. Depois, a coisa muda. ‘Aqui eles querem treinar’. Eu venho cantando essa pedra há um tempão, na hora em que bater três meses e a corda apertar o pescoço, todo mundo vai querer treinar, porque não vai aguentar mais, não tem como -, afirmou Mauro Cezar, antes de prosseguir:

— Temos visto, por exemplo, no Campeonato Inglês a quantidade de lesões, de todo tipo, muscular torção , porque os caras estão parados, sem jogar futebol há mais de três meses e desse período, pelo menos dois meses e meio correndo no jardim, jogando bola com o filho, pedalando na bicicleta ergométrica. Isso aí não é para jogador de futebol profissional -, disse o comentarista, que concluiu:

— É difícil retomar o ritmo de jogo e a condição física. Então, acho até compreensível que se você tem condições de montar ali uma bolha segura e colocar os caras treinando, que eles treinem, isso me parece até possível. O Flamengo tem feito vários testes e tem dado ali zero infectado. Então, me parece que agora eles acertaram mais ali a mão, é o que parece pelo menos -, encerrou.

O Flamengo entra em campo pelo Campeonato Carioca contra o Boavista, no Maracanã, na próxima quarta-feira (01), ainda sem horário definido. Caso não aconteça nada de inesperado, Jorge Jesus deve escalar o time com a seguinte formação: Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Arão e Gerson; Arrascaeta, Everton Ribeiro, Bruno Henrique e Gabigol.

Fonte: ColunaDoFla!