“A Globo tem uma influência muito grande, mas ela está errada”, afirma Rodrigo Dunshee, VP do Flamengo

Vice-presidente geral e jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee falou sobre os direitos de transmissão dos jogos. Em entrevista ao Coluna do Fla, o dirigente afirmou que, por lei, o Rubro-Negro pode passar suas partidas via streaming ou negociar com outras emissoras.

— O Flamengo tem uma lei que permite a ele transmitir os seus jogos. Não temos contrato com ninguém. Então, o Flamengo exerce um direito que está previsto na lei. Quando você tem um direito que está previsto em lei, e o fato de você executar esse direito, não prejudica ninguém. A Globo está construindo uma tese, ela tem uma influência muito grande, mas nesse momento ela está errada. É um exercício regular de um direito pelo Flamengo: não tenho contrato com ninguém e eu posso exibir meus jogos. É isso que está em discussão. Estamos defendendo essa tese, mas a gente acha que vai ser bem sucedido, mesmo com um adversário de peso do outro lado -, explicou Rodrigo Dunshee.

Vale lembrar que na última quinta-feira (18), o Presidente da República, Jair Bolsonaro, editou a MP 984, que altera a Lei Pelé e coloca como responsabilidade do mandante o direito de transmissão de partidas esportivas. Entretanto, a falta de acordo entre o Flamengo e a Globo para a reprodução dos jogos do Campeonato Carioca, e uma possível futura exibição por parte do clube, vem gerando discussões nos bastidores.

— É importante que a MP se transforme em lei, pois é a Lei Áurea do futebol. Os clubes têm o direito de vender o seu jogo. A gente não tá pedindo nada demais, isso é a coisa básica. Estamos conversando com a Globo, sempre, o canal está aberto, não sei de negociação, mas o canal está aberto e a relação é boa. Não tem problema pessoal -, completou.

Fonte: ColunaDoFla!