‘Vidas negras importam’: Jogadores do Flamengo apoiam o movimento

Gabigol, Gerson, Vitinho, Hugo Souza e Lázaro postaram hashtag em suas redes sociais, reverberando protestos no mundo, impulsionados após a morte de George Floyd, nos EUA

Após a morte de George Floyd, negro, imobilizado e asfixiado pelo joelho até a morte pelo policial Derek Chauvin, em Minneapolis (EUA), uma corrente antirrascista mundo afora, reforçada pela hashtag “Vidas negras importam”, ganhou força nos últimos dias. E jogadores do Flamengo apoiaram o movimento.

Gabigol, Gerson, Vitinho, Lázaro e Hugo Souza (Neneca) são os atletas do Rubro-Negro que foram às redes sociais e se posicionaram contra o racismo.

  • A luta não é brancos contra negros, é de todo mundo contra racistas – tuitou Lázaro, joia de 18 anos do Flamengo.

O episódio envolvendo George Floyd tem gerado uma onda de protestos nos Estados Unidos – inclusive com posicionamentos contundentes e ativos entre personalidades do esporte, como LeBron James, astro da NBA.

Leia também: Atacante impressiona Jesus com forma física e foco nos treinos do Flamengo

Veja as postagens de jogadores do Flamengo:

https://twitter.com/GersonSantos08/status/1267515389958815747