Em ano de olimpíada, Fla vê evolução nos esportes olímpicos, mas Handebol está ‘esquecido’ há 20 anos

Basquetebol (masculino apenas), canoagem, futebol, ginástica artística, natação, natação sincronizada, polo aquático, remo e voleibol são os esportes olímpicos praticados pelo Flamengo no dia de hoje. O clube já foi uma potência esportiva em muitas outras modalidades, que, infelizmente, acabaram desativadas da Gávea. Confira abaixo as últimas notícias, de acordo com o flamengoinfo.com

Como apostar?

Há duas formas básicas de se apostar em handebol. São os chamados investimentos a curto e a longo prazos.

A primeira opção é no que diz respeito ao próximo jogo. Flamengo x Pinheiros.  Quem vence? Dá empate? Quem marca gols? Teremos mais de X gols na partida? Ambos os oponentes balançam as redes? O Flamengo vence por dois gols de diferença? Como termina o primeiro / segundo tempos? Empate anula aposta? Como você pode ver, são várias as opções e colocamos uma tabela mais abaixo mostrando algumas delas.

Já a longo prazo, você investe em quem será o campeão dos Jogos Olímpicos. Até este momento, Rússia no feminino e Dinamarca no masculino são consideradas as barbadas para Tóquio 2020

História do Flamengo no Handebol

O handebol chegou à Gávea na segunda metade dos anos 70. O clube oferecia escolinhas e competia nas categorias mirim, infantil, cadete, juvenil, júnior e adulto, tanto no naipe masculino, quanto no feminino.

Rapidamente, o Mengão se tornou uma potência tendo conquistado os Estaduais Adulto Masculino de 1977, 1978, 1979 e 1980, além de títulos de menor expressão. O Urubu chegou até a excursionar pela Europa.

Após cerca de dez anos sem atividade, um time masculino voltou a ser criado em 1993 e O Mais Querido do Brasil voltou a conquistar troféus, inclusive no beach handball. O projeto se encerrou em 1994.

Em 2000, tivemos o último suor do “futebol de mãos” no clube. O Mengou terminou o Estadual em segundo lugar e o Campeonato Brasileiro em terceiro.

Em ano olímpico, fica a pergunta. Por que o Flamengo tem tão poucas modalidades olímpicas quando comparado a outros clubes poliesportivos, como Pinheiros, Minas Tênis, Grêmio Náutico União, Corinthians, Palmeiras e Fluminense?

Por enquanto Jogos Olímpicos confirmados

Apesar da pandemia do coronavírus, os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 seguem confirmados. O handebol tem jogos marcados entre os dias 24 de julho e 09 de agosto. Eles acontecerão no Ginásio Nacional Yoyogi que tem capacidade para 13.291 pessoas.

Por enquanto, no masculino estão classificados, Japão, Dinamarca, Argentina, Barem, Espanha e Egito, restando seis vagas a serem definidas em abril. No feminino, os classificados são Japão, França, Brasil, Coreia do Sul, Angola e Holanda. Teríamos eliminatórias agora em março para definir outros seis participantes mas o torneio foi suspenso.

O Spin Sports oferece odds para você apostar em quem serão os medalhistas de ouro de 2020. No feminino, a favorita é a Rússia, cotada a R$ 3,40 / 1. Ela competirá sob a bandeira do COI (OAR). No masculino, o bicho-papão é a Dinamarca, com odds na casa dos R$ 3,50 / 1.

O regulamento é simples. Teremos dois grupos de seis na primeira fase. Após cinco rodadas, os dois melhores de cada avançam para as semifinais. Os vencedores da semifinal decidem a medalha de ouro.

Feminino:

1º OAR – R$ 3,40 / 1.

2º Noruega – R$ 3,50 / 1.

3º França – R$ 4,20 / 1.

4º Holanda – R$ 7,00 / 1.

5º Espanha – R$ 14,00 / 1.

6º Montenegro – R$ 19,00 / 1.

7º Romênia – R$ 20,00 / 1.

8º Hungria – R$ 21,00 / 1.

9º Coreia do Sul – R$ 23,00 / 1.

10º Suécia – R$ 23,00 / 1.

11º Brasil – R$ 51,00 / 1.

12º Sérvia – R$ 67,00 / 1.

13º Japão – R$ 126 / 1.

14º Angola – R$ 401 / 1.

15º Senegal – R$ 1.001 / 1.

16º Argentina – R$ 2.001 / 1.

17º Cazaquistão – R$ 4.001 / 1.

18º Coreia do Norte – R$ 4.001 / 1.

Masculino:

1º Dinamarca – R$ 3,50

2º Espanha – R$ 4,50

3º França – R$ 5,00

4º Noruega – R$ 6,00

5º Alemanha – R$ 9,00

5º Croácia – R$ 9,00

7º Suécia – R$ 21,00

8º Eslovênia – R$ 26,00

9º Portugal – R$ 67,00

10º Egito – R$ 126 / 1.

11º Japão – R$ 151 / 1.

11º Brasil – R$ 251 / 1.

13º Tunísia – R$ 301 / 1.

14º  Argentina – R$ 501 / 1.

14º Barem – R$ 501 / 1.

16º Coreia do Sul – R$ 1.001 / 1.

17º Argélia – R$ 2.001 / 1.

18º Chile – R$ 4.001 / 1.

FONTE: colunadofla

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui