Jornalista diz que, se o Flamengo não houvesse ganhado títulos, a expressão “outro patamar” seria o “novo cheirinho”

Nesta sexta-feira (13), O jornalista Eric Faria recordou, no Globoesporte.com a entrevista que fez na beira do campo com o atacante Bruno Henrique, há exatamente quatro meses (no dia 13 de novembro de 2019). Na ocasião, o Flamengo empatou em 4 a 4 com o Vasco da Gama e o camisa 27 fez questão de alfinetar o rival dizendo que o Mais Querido estava em “outro patamar”.

Sobre a reportagem, Eric disse que achou que a fala de Bruno só virou um bordão, pois a equipe ganhou, na sequência, os títulos da Libertadores e do Brasileirão: “Na minha opinião, esse negócio de ‘outro patamar’ só tomou essa proporção porque o Flamengo ganhou os campeonatos, e aí a frase dele virou verdade. Porque, se não, ficaria tachada como uma coisa que não deu certo. O ‘outro patamar’ seria o novo ‘cheirinho’“, disse.

Para o jornalista, inicialmente, a declaração do jogador rubro-negro poderia ter repercutido negativamente. Eric destacou que a fala do atacante poderia ter sido considerada arrogante.

— No primeiro momento, eu imaginei que a entrevista inteira, não só o bordão, ia repercutir. Não pelo lado positivo, mas para o lado negativo da arrogância, por ele ter debochado do adversário. Tanto que, nos dias seguintes, a entrevista repercutiu assim. Não foi para o lado do bom humor, nada disso. Foi como o Jorge Jesus agora contra o Fluminense. O próprio Vasco reprimiu, disse que os jogadores reclamaram da entrevista -, recordou.

fonte: coluandofla

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui