Flamengo tenta manter, mas clubes vetam venda de mando de campo em todo o Brasileirão

Hoje tem gol do Gabigol

Está proibida a venda de mandos de campo no Campeonato Brasileiro de 2020.

A proposta foi feita pelo presidente da CBF, Rogério Caboclo, em reunião nesta quinta-feira com representantes dos 20 clubes que vão disputar a Série A entre abril e dezembro deste ano.

Por decisão da maioria dos clubes, foi então proibida a prática por todo o campeonato, e não mais apenas nas últimas rodadas. O Flamengo, segundo apuração da ESPN, foi um dos clubes que votou contra o veto.

A prática é recorrente no Brasileirão nos últimos anos. No ano passado, por exemplo, o próprio Flamengo jogou como visitante contra AvaíCSA Vasco no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

>> Com contrato até dezembro, Diego Alves se diz tranquilo por renovação no Flamengo: “quando for a hora” <<

Fluminense Botafogo também levaram jogos para a capital federal, enquanto o Vasco chegou a mandar partidas em Cariacica, no Espírito Santo, e também em Manaus.

A regra anterior era que cada clube poderia fazer até cinco partidas fora do seu estado. A partir de agora, a possibilidade está descartada.

Por ESPN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui