Camisa 10 na base do Flamengo, Yuri de Oliveira sonha em “chegar ao profissional e dar alegria à Nação”

FOTO: REPRODUÇÃO

Uma das maiores joias das categoria de base do Flamengo é o capixaba Yuri de Oliveira. Tratado com alta expectativa na Gávea, a jovem promessa vem brilhando na Libertadores sub-20. Recentemente, ele renovou o contato até o fim de 2022, com uma multa rescisória na cada de 50 milhões de euros (R$238 milhões de reais). Em relação ao maior sonho, o jogador disse que há a expectativa de ir ao elenco profissional.

— Meu maior sonho é ser um jogador profissional de alto nível. Eu só penso nisso. Eu quero chegar ao profissional do Flamengo, quero dar alegria à Nação rubro-negra. Eu quero dar sequência na minha carreira, mas meu primeiro sonho é chegar no profissional do Flamengo.

O menino nascido em Vila Velha, mas criado em Vitória começou no futsal. Com 10 anos, ele foi para campo. Logo, percebeu as diferenças e ratificou o desejo de jogar futebol. A aspiração foi motivada pela família. De acordo com o meia, ele teve as oportunidades que o irmão não teve.

—Meu pai jogava futebol, mas não profissionalmente. Ele jogava as peladinhas. Meu irmão também jogou até no mesmo clube que eu joguei, mas ele não teve a oportunidade até por ser mais velho. Na época, minha família não teve a oportunidade de dar para ele a mesma oportunidade que eu tive.

Finalmente, Yuri está realizando seus sonhos e fazendo sucesso no Rubro-Negro. Segundo ele, existe pressão em vestir o Manto Sagrado. Afinal, é preciso considerar os valores e as expectativas de cada torcedor.

— Tem uma pressão. O clube é gigante, o maior do Brasil. Ele está crescendo cada vez mais. Então, tem o peso. Só quem veste (o Manto) sabe. Nós jogadores, que jogamos com frequência, estamos acostumados, mas sempre respeitando o peso, e o valor que cada torcedor precisa ter. A gente precisa respeitar a camisa.

Em relação à camisa 10, o atleta relembra que era a camisa de Zico, maior ídolo da história do clube. Por isso, qualquer jogador da base que utiliza esse número recebe uma atenção especial.

— Vestir a camisa 10 tem um peso. Com certeza! Tem o valor que cada flamenguista sabe. O Zico vestiu. E  no profissional, eu tenho um ídolo que é o Diego. Ele também veste a (camisa) 10.  Eu admiro muito o futebol dele. Eu admiro muito o ser humano que ele é e me espelho bastante nele. Então, espero responder dentro de campo, porque a camisa 10 precisa ser correspondida.

Por Coluna do Fla

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui