Nicola vê com preocupação a distância entre o Flamengo e os demais clubes: “Faz muito mal para o futebol brasileiro”

Jorge Nicola, comentarista da ESPN, teme que o Flamengo exerça domínio no futebol brasileiro. No programa BBB Debate, o jornalista disse analisou o faturamento das grandes equipes do futebol brasileiro e constatou o poder rubro-negro.

— No ano passado, o Flamengo, em determinado momento, chegou a cogitar a possibilidade de ter como faturamento de receita, em 2019, quase R$1 bilhão. Não conseguiu porque não foi campeão mundial, ficou na casa de R$850 milhões. O Palmeiras, segundo colocado, ficou na casa de R$500 milhões. A gente está falando de uma diferença na casa de R$350 milhões. Aí, a gente vai ter time na casa de R$400 ou R$300. Os rivais, no Rio, na casa de R$200 milhões cada.

Em relação aos próximos anos, ele vê com preocupação a perspectiva de hegemonia do clube carioca no Brasil. Além disso, compara o Rubro-Negro aos gigantes europeus.

— Estou enaltecendo a competência do Flamengo. E acredito que o Flamengo possa fazer uma história como a do Bayern de Munique, mas para o produto futebol é péssimo. Eu temo que essa diferença aumente porque faz muito mal para o futebol brasileiro.

Baixe o Aplicativo e receba as notícias em tempo real e participe de sorteios mensais. É grátis! (clique aqui e baixe)

Fonte: Coluna do Fla

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui