Jornal afirma que famílias vão pagar multa de R$ 500 mil ao Flamengo caso revelem acordo por tragédia no Ninho

Jornal afirma que famílias vão pagar multa de R$ 500 mil ao Flamengo
Gazeta Press

A tragédia no Ninho do Urubu, que vitimou 10 jovens em fevereiro do ano passado, completará um ano na próxima semana. Há poucos dias da data, o jornal a ‘Folha de S. Paulo’ revelou que o clube carioca fez um acordo com quatro das 10 famílias em que uma multa era estipulada. Segundo o portal, se algumas destas quatro famílias revelasse os termos do contrato, seria multada em R$ 500 mil.

O veículo teve acesso a um dos documentos que previa confidencialidade dos termos presentes no contrato e condições financeiras dispostas no mesmo. Em dezembro, o próprio clube teve de revelar detalhes do contrato à Justiça. Atualmente, o Flamengo tem de pagar, por conta de uma liminar, R$ 10 mil mensais às famílias até a decisão final sobre as indenizações.

O clube contesta a decisão alegando que paga, de forma espontânea, R$ 5 mil às famílias. Durante o processo, o clube anexou comprovantes destes pagamentos realizados em fevereiro do ano passado aos parentes dos atletas que morreram. O Flamengo ainda afirma que os R$ 5 mil é um valor superior aos R$ 300 que os jogadores recebiam como ajuda de custo nas categorias de base. José Lopes Viana, pai de Rykelmo, uma das vítimas, comentou o assunto.

“Mandaram duas propostas, e eu não aguentava mais pensar em dinheiro, principalmente da maneira que foi. Nunca dependi de dinheiro dele [Rykelmo], não era o que eu queria, queria ver ele feliz. Era o que ele sempre sonhou, jogar bola. Tem hora que não consigo nem falar a respeito. Não penso mais em Flamengo nem em dinheiro. Estou tocando minha vida e não tem o que fazer. Não tinha mais cabeça para ficar pensando, pois me machucava demais”, disse José.

Por O Dia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui